segunda-feira, 18 de janeiro de 2010

Desconexo

E me deparo outra vez com a mesma situação
Em frente a brancas paginas
Desta vez não de papel
Mas a tela de um computador

É tudo tão igual e diferente
A sensação é de que estou próximo de algo grandioso
Mas não consigo alcançar
E continua assim minha busca

Busca de que? Você pode se perguntar
Este questionamento e também o meu.
Talvez uma essência, uma idéia nova,
Um pedaço de sonho que nem me lembro bem ao certo
Só o que vejo é uma nevoa e pedaços de sonhos desconexos.

Tento em vão ligar estas idéias
Mas quanto mais as organizo mais elas se tornam incoerentes
Formando um mosaico que representa muito bem
Este meus últimos anos
Pedaços descontinuados de sonhos, realidades
Amores e amizades.

BH, 10/01/2010

3 comentários:

karina disse...

bem vindo ! Devolta neh .... mesmo depois de tanto tempo vc naõ perdeu a mão ...hehehe....falto o meu agora !

Patricia disse...

É claro que postarei comentários :) Está linkado nos meus favoritos. Só estou esperando um post novo ;)

Flowers disse...

Que bom que está na ativa, acabei de deixar um comentário no "Chão de Giz", olha lá...Tem postagem nova no meu blog tbm...beijo